Embaixada de Portugal em Cuba

Ministério dos Negócios Estrangeiros

Ponto de situação do setor turístico de Cuba - Conselhos ao viajante

cayo coco

De acordo com dados divulgados pelo Ministério do Turismo de Cuba sobre a situação na ilha após a passagem do furacão Irma, informamos que:

- Todas as instalações turísticas cubanas deverão estar operacionais até meados de novembro de 2017.

- O fornecimento de eletricidade, água e a rede de comunicações foram restabelecidos em todos os polos turísticos do país, incluindo nos Cayos Santa Maria, Coco e Guillermo.

- As instalações turísticas localizadas nas zonas de Guantánamo, Santiago de Cuba, Granma, Cienfuegos, Mayabeque, Artemisa e Pinar del Río não foram afetadas pelo furacão e estão a funcionar sem nenhuma dificuldade.

- Os polos turísticos de Cayo Santa Maria, Cayo Coco e Cayo Guillermo foram os mais afetados. Não obstante, dos 18 hotéis existentes nos últimos dois “cayos”, 14 estarão totalmente recuperados até ao dia 1 de novembro. Os restantes quatro hotéis abrirão as suas portas no dia 15 de novembro.

- Prevê-se que o aeroporto de Cayo Coco abra até ao dia 1 de novembro.

- As pontes que ligam Cayo Coco e Cayo Santa Maria à ilha principal reabrirão em meados de outubro e no dia 1 de novembro, respetivamente.

- O aeroporto de Cayo Las Brujas reabrirá no dia 15 de outubro e o aeroporto de Santa Clara retomou as suas operações no dia 25 de setembro.

- Em Varadero, 47 dos 52 hotéis existentes estão a funcionar. Os cinco hotéis mais afetados - Puntarena, Playa Caleta, Paradisus Varadero, Ocean Patriarca e Meliá Península – têm data de reabertura para 15 de novembro.

Para informação detalhada sobre o estado do local para onde pretende viajar, recomendamos que contacte diretamente o seu hotel ou agência de viagens. Poderá também encontrar mais informação AQUI.

Partilhar:
FacebookTwitterGoogle +E-mail