inst camoes

Plano de Atividades Culturais 2019

 

    • Participação na Feira Internacional do Livro de Havana com uma evocação à poesia de José Saramago, em parceria com a UNEAC (União de Escritores e Artistas de Cuba). 8 de fevereiro. 
    • Apoio institucional e financeiro às filmagens da série “O Nosso Cônsul em Havana”. De 21 a 27 de fevereiro.
    • Apoio institucional e financeiro à participação do artista Pedro Cabrita Reis na Bienal de Artes Plásticas de Havana 2019, a convite da equipa de curadores do evento. De 12 abril a 12 de maio.
    • Celebração do dia da Língua Portuguesa e da Cultura Lusófona 2019 - Concerto realizado a 3 de maio com composições cubanas para textos lusófonos; em parceria com as várias Embaixadas de países da Comunidade de Países de Língua Portuguesa, Ministério da Cultura de Cuba e Centro Cultural Teatro Raquel Revuelta. Ideia original de António Revez, da Associação Lendias d’Encantar / Portugal. 3 de maio.
    • Divulgação de pintores portugueses contemporâneos - Documentário “Olhares na Distância: Quatro Pintores Portugueses Contemporâneos”, Fábrica de Arte Cubana, 18h, 9 de maio.
    • Participação na Bienal Internacional de Poesia de Havana, em concerto organizado pela UNEAC na Basília de São Francisco de Assis, 28 de maio.
    • SEMANA DE PORTUGAL - Celebração do Centenário das Relações Diplomáticas entre Cuba e Portugal (12 de junho) - Sequência de eventos previstos em parceria com a Oficina do Historiador da Cidade (OHC),  Instituto de História de Cuba (IHC), Instituto Camões (CICL) e Academia Portuguesa de História (APH)

12 de Junho

17h – Exposição “Azulejo Português: Diálogos Contemporâneos”, no muro exterior do Castillo de la Real Fuerza, Havana. De 13 de junho a 8 de julho.

18h – 20h Celebração do Dia de Portugal, no Claustro do Palácio do Segundo Cabo, Havana.

18h30 - Exposição “Presença portuguesa em Cuba”, com especial relevância para cartografia, cerâmica, azulejaria, entre outros, na Sala de  Exposições Temporárias do Palácio do Segundo Cabo, de 12 de junho a 18 de julho.

13 de junho

15h – Exposição “Portugal Numismático em Cuba”, no Museu Nacional Numismático de Cuba, de 13 de junho a 5 de julho.

14 de junho

17h – Exposição de Pintura “Geração Barbie”, de Eurico Borges (Portugal), Galeria Génesis, Havana. De 14 de junho a 31 de julho.

    • 4º Festival de Cinema Europeu organizado pela Delegação da UE em Havana em parceria com Cinemateca de Cuba – Filmes portugueses previstos: Diamantino, de Gabriel Abrantes; São Jorge, de Marco Martins (A partir de 13 de junho).
    • Conferência sobre “Eça de Queirós em Havana”, proferida por Guilherme Oliveira Martins, 17 de julho, 15h, Sala de Conferências do Palácio do II Cabo, Havana.
    • Estreia mundial do filme “O nosso Cônsul em Havana”, 17 de julho, 17h30, em sala de cinema a definir, em parceria com ICAIC, Havana.
    • Conferência sobre Descobrimentos Portugueses e/ou tema afim de interesse mútuo, proferida pela Profª Doutora Manuela Mendonça, Presidente da Academia Portuguesa de História (APH), em Seminário Internacional organizado pela Academia Cubana de História (a confirmar se setembro ou novembro).
    • Concerto de fado com Cuca Roseta, na Fábrica de Arte Cubana, Havana. 31 de outubro.
    • Exposição de fotografia sobre presença europeia em Cuba organizada pela Delegação da UE em Havana em parceria com Instituto de História de Cuba – Presença portuguesa: Casa Ribeiro Vasconcelos.
    • Oferta de painel de azulejos para local público do centro histórico de Havana.
    • Especial visita ao Café da Columnata Egipciana, pelo escritor Afonso Cabral, trineto de Eça de Queirós, no quadro da sua participação no Colóquio de Estudos Lusófonos, organizado pela Cátedra Eça de Queirós – 28/29 novembro de 2019.
    • Publicação de livro em parceria com Academia Portuguesa de História, Instituto Cubano de História e Academia Cubana de História – novembro de 2019Elementos abordados: figuras históricas de ascendência portuguesa  relevantes no contexto cubano; casas locais que se crê terem pertencido a famílias igualmente de ascendência portuguesa com importância local; participação portuguesa na Guerra pela Independência de Cuba.
    • Apoio ao Festival de Música HABANA MEDIEVAL com repertório pertinente na área galaico-portuguesa; evento em parceria com Grupo Ensemble Lauda e Oficina do Historiador da Cidade (novembro/dezembro).
    • Celebração dos 30 anos da 1ª tradução para língua espanhola de uma obra de José Saramago,“Levantado do Chão” - A ação envolverá a publicação revista, por parte do Instituto Cubano do Livro, da tradução cubana realizada há 30 anos.

 

  • Partilhe